Roberto Justus fala do fim de seu casamento e revela motivo em rede nacional

maio 20, 2023 Off Por

Roberto Justus, empresário e apresentador, é uma das celebridades mais reconhecidas do país. Ele é pai de Rafinha Justus e é conhecido tanto na televisão quanto no mundo dos negócios.

No passado, Roberto Justus e Adriane Galisteu foram casados por um período de oito meses em 1998. Durante uma entrevista no podcast Bagaceira Chique, apresentado por Luciana Gimenez e transmitido em todo o Brasil, o famoso discutiu abertamente os motivos que levaram à separação.

FIM DO CASAMENTO EXPLICADO

Roberto Justus falou sobre o fim do casamento, começando por dizer que a relação entre eles foi intensa e avassaladora. Eles tiveram um breve namoro e cometeram o erro de se casar, apesar de serem pessoas muito diferentes. Justus lembrou que recentemente Adriane mencionou algo interessante, dizendo que ambos eram imaturos na época.

Além disso, Roberto Justus expôs o motivo do término. Ele revelou que sua ex-esposa tinha o hábito de jantar às duas da manhã, enquanto ele preferia jantar às oito da noite. Justus também mencionou que é mais conservador e gosta de ter as coisas organizadas, enquanto Adriane Galisteu é mais descontraída em relação a esses aspectos. Ele costumava ser muito metódico e perfeccionista.

Atualmente, Roberto Justus está casado com sua quinta esposa, Ana Paula Siebert, e eles têm uma filha chamada Vicky, de 2 anos. A família frequentemente aparece unida em várias postagens nas redes sociais.

Durante a entrevista, Roberto Justus revelou o motivo do fim do casamento. Ele contou que Adriane Galisteu tinha o hábito de jantar às duas da manhã, enquanto ele jantava às oito da noite. Além disso, Justus mencionou que é mais conservador e gosta de ter as coisas organizadas, enquanto Galisteu é mais descontraída nesse aspecto. Ele costumava ser metódico e perfeccionista, o que criava conflitos na relação.

Atualmente, Roberto Justus está casado com sua quinta esposa, Ana Paula Siebert, e juntos têm uma filha chamada Vicky, de 2 anos. A família frequentemente aparece unida em diversas postagens nas redes sociais.

Eliana e Rodrigo Faro tiveram motivos para se preocupar com a notícia que foi confirmada

Eliana e Rodrigo Faro tiveram motivos para se preocupar com a notícia que foi confirmada. Os programas apresentados por eles registraram uma audiência terrível neste domingo (14).

Eliana e Rodrigo Faro comandam programas no SBT e na Record TV, respectivamente. Ambos são concorrentes nas tardes de domingo. Neste domingo (14), que foi Dia das Mães, houve mais um confronto entre os dois e é seguro dizer que nenhum deles se saiu melhor.

Os números do Kantar Ibope mostram que Eliana obteve uma média de 4,7 pontos com seu programa. Apesar de ter ficado à frente de Rodrigo Faro, Eliana perdeu um quarto do público em comparação com o que havia registrado na semana anterior.

O programa A Hora do Faro, exibido das 16h às 18h na Record TV, registrou apenas 2,9 pontos de média na região da Grande São Paulo. Esse foi o pior desempenho da atração em toda a sua história. Os números mostram a fuga de telespectadores, provavelmente para a Globo.

No mesmo horário, a emissora registrou uma média de 22,4 pontos com a transmissão do clássico Corinthians x São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro, que terminou empatado em 1 a 1 e foi marcado por polêmicas de arbitragem. Os torcedores do São Paulo reclamaram bastante.

Eliana e Faro tiveram um domingo ruim. Com parte da audiência migrando para o futebol, Rodrigo Faro e Eliana perderam audiência. Apesar do jogo, o programa de Faro na Record TV vem enfrentando uma queda na audiência há algum tempo. A atração está longe de atingir os índices de cinco anos atrás. O Canta Comigo, talent show exibido logo após a Hora do Faro e apresentado por Rodrigo Faro, registrou cinco pontos de média e disputou a vice-liderança com a programação do SBT.

Caso trágico de engasgo resulta na morte de menino de 2 anos em creche, ressaltando a importância da precaução.

Noah Pereira Portelo, um menino autista de apenas dois anos, faleceu na quarta-feira (17) após cinco dias de internação. Na sexta-feira (12), ele engasgou enquanto se alimentava na creche onde recebia cuidados, localizada na cidade de Serra, região da Grande Vitória, e foi prontamente levado ao hospital.

Noah perdeu a vida durante a madrugada de quarta-feira. Seus pais estavam alternando a presença no hospital para estar ao lado do garoto e haviam solicitado orações nas mídias sociais. O pai, Joabson Oliveira, relatou os detalhes do incidente envolvendo o filho.

O engasgo ocorreu na creche Na sexta-feira, em um dia aparentemente comum, Noah foi para a creche, porém seu pai foi surpreendido por uma ligação pedindo que ele comparecesse imediatamente ao local. A creche onde Noah frequentava está localizada no bairro Central Carapina e atende várias crianças.

Ao chegar, Joabson encontrou o filho inconsciente. Noah foi levado ao hospital e encaminhado à unidade de terapia intensiva (UTI) devido à gravidade da situação. O menino havia se engasgado com um ovo, e somente no hospital o alimento foi removido, mas durante esse tempo ele ficou aproximadamente uma hora sem respirar.

Engasgo fatal com ovo Noah estava em horário de refeição na creche quando se engasgou com o ovo. Não se tem informações precisas sobre a consistência do alimento naquele momento. É comum que as creches incentivem a autonomia das crianças durante a alimentação como parte do desenvolvimento, no entanto, é fundamental exercer grande cuidado. Ocorrências de engasgo em crianças não são incomuns, por isso os pais devem estar cientes de como agir para realizar a manobra de desengasgo. A imagem acima ilustra como realizar a manobra de Heimlich.

 

Compartilhe isso: