Usuários dos CAPs disputam final de campeonato de futebol – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro

junho 25, 2024 Off Por Editor

A equipe do CAPSad III Dona Ivone Lara saiu vitoriosa e conquistou o título – Edu Kapps / SMS

No país do futebol não tem hora ou lugar para ver a bola rolar em campo. As Redes de Atenção Psicossocial (RAPS) promoveram um campeonato de futebol para pacientes de saúde mental da rede municipal. As partidas de semifinal e a grande final aconteceram na sexta-feira (21/06), na Vila Olímpica do Encantado, Zona Norte da cidade. A equipe do CAPSad III Dona Ivone Lara saiu vitoriosa e levantou a taça. A unidade, em Cascadura, é integrada ao Programa Seguir em Frente, que assiste pessoas em situação de rua.

O trabalho das RAPS nesses espaços é direcionar assistência integral e humanizada para os pacientes de saúde mental. Para Érika Pontes, diretora do Instituto Municipal de Assistência à Saúde Nise da Silveira, o campeonato de futebol organizado pela RAPS é uma resposta para aqueles que não acreditam nas novas formas de cuidado à saúde mental.

– O Instituto Nise da Silveira tem desenvolvido ações direcionadas para o esporte, a cultura, o lazer e a preservação da memória e formação. É muito importante dizer que nós derrubamos os muros do antigo hospital psiquiátrico do Engenho de Dentro superando, assim, as práticas manicomiais. Hoje, trabalhamos oferecendo novas formas de cuidado e tratamento, na promoção da saúde mental. Esse campeonato de futebol, que já faz parte do calendário anual do Instituto, é fruto de todo esse trabalho -, disse a diretora do Nise da Silveira.

Daniel da Glória, usuário do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Torquato Neto, em Del Castilho, é exemplo do sucesso da reinserção dos pacientes de saúde mental na sociedade por meio de atividades ao ar livre. Desde que foi desinstitucionalizado do antigo manicômio, no Instituto Nise da Silveira, Daniel se faz presente em todas as aulas da oficina de futebol, na Vila Olímpica do Encantado, e distribui gols e simpatia para os seus companheiros de equipe.

– Daniel é fruto de um trabalho em conjunto entre as equipes do Instituto Nise da Silveira e do CAPS Torquato Neto. É nítido que, além de colaborar na construção da rede de apoio do Daniel, a oficina de futebol promoveu o acesso ao esporte e garantiu novos vínculos afetivos, impactando de forma positiva na sua saúde -, diz Roberta Santos Oliveira, coordenadora técnica do Centro de Convivência e Cultura Trilhos do Engenho.

O Campeonato de futebol da RAPS Carioca está na sua quinta edição, promovido pelo Centro de Convivência e Cultura Trilhos do Engenho, equipamento que faz parte do RAPS da Zona Norte, no Instituto Nise da Silveira. No início, a competição contava apenas com times de centros de atenção psicossocial (CAPS) da região de Engenho de Dentro e adjacências. Em três anos o campeonato conquistou os pacientes de saúde mental da rede municipal e, em 2017, os times de CAPS de outras regiões da cidade começaram a se inscrever.

Para Thiago Medeiros, psicólogo do Centro de Convivência e Cultura Trilhos do Engenho e idealizador do projeto, o sucesso do  campeonato é motivo de celebração:

 

– Nós enxergamos o campeonato como forma de ressaltar a importância do cuidado em saúde mental pela via do esporte. A gente entende pela fala dos participantes do projeto o quanto este cuidado é importante e, especialmente, pelos sorrisos e comemorações ao final de cada partida. Não há melhor retribuição que essa.

 

O campeonato de 2024 começou em maio com um recorde de inscritos, totalizando 20 times dos CAPS de toda a cidade. A primeira partida de sexta-feira foi a pré-semifinal, um jogo entre os times do CAPSad Ivone Lara e CAPS Clarice Lispector, que terminou em 0x0 e foi para os pênaltis. O vencedor da disputa foi o CAPSad Ivone Lara, que avançou para a semifinal e derrotou o já classificado CAPSad Paulo da Portela por 2×0. A segunda semifinal foi realizada entre CAPS Fernando Diniz 1 x 0 CAPS Torquato Neto, que resultou numa final entre as equipes Ivone Lara e Fernando Diniz, com vitória do primeiro por 3×1.

Categoria:

  • 24 de junho de 2024
  • Marcações: CAP futebol Prefeitur do Rio saúde